Nova boutique de advisory está vocacionada para assessorar os líderes do núcleo acionista das maiores empresas portuguesas de raiz familiar.

Grandes grupos familiares representam dois terços da riqueza produzida no País, mas enfrentam sérios desafios em termos de governance acionista, organização, relação entre acionistas e negócio e gestão da nova geração – sucessão em particular

A ARBORIS é uma boutique de aconselhamento especializada nos temas mais complexos e delicados ligados à dinâmica própria dos grupos familiares, os quais representam três quartos do tecido empresarial português e produzem dois terços da riqueza anual do País, garantindo cerca de metade do emprego a nível nacional.

A ARBORIS nasce com a missão de prestar um aconselhamento totalmente customizado e personalizado ao presidente e ao corpo acionista de grupos empresariais de raiz familiar de referência em Portugal, atacando desafios que exigem grande proximidade, discrição e senioridade com competências robustas em quatro áreas de especialidade profundamente complementares - estratégia, organização, governance e pessoas.

Através de uma relação contínua de confiança, diálogo e proximidade, a intervenção da ARBORIS cobre uma larga gama de desafios, desde a criação ou aperfeiçoamento de modelos de gestão da estrutura acionista e de governance de negócio ao alinhamento da estratégia do negócio com o propósito e valores do foro acionista e até ao desenvolvimento e transformação do modelo organizacional do grupo.

Os managing partners da ARBORIS acumulam uma experiência combinada de quase um século ao serviço de grupos familiares, tendo trabalhado com quase todos os 50 maiores grupos empresariais controlados por famílias acionistas portuguesas.

Entre os vários temas tratados, a sucessão de liderança assume-se como um dos maiores problemas identificados e onde ainda há mais trabalho a fazer. De facto, apesar de ser fundamental, a montagem disciplinada de um processo de sucessão que tenha condições para ser bem-sucedido e crie valor para os acionistas a longo prazo é ainda muito rara.

João Rodrigues Pena, fundador e managing partner da ARBORIS, afirma: 

“Em Portugal é espantosa a falta de atenção que se dá à gestão da geração seguinte. São muitas as famílias acionistas que não envolvem adequadamente os seus jovens no negócio, não preparam os que têm vocação para trabalhar no negócio e acabando por falhar na sucessão por falta de consciência da importância de se preparar atempadamente a seleção, a preparação e a transição de forma consistente. São muitos os processos de sucessão mal geridos e isso tem sempre implicações no valor do negócio, ou seja, no património dos acionistas, implicações muitas vezes irrecuperáveis”.

João Rodrigues Pena, José Paulo Rodrigues e Pedro Garlito são os fundadores e managing partners da ARBORIS e a sua união na criação da ARBORIS resulta da senioridade e grande experiência de cada um em áreas complementares.

 “Temos um modelo completamente diferente e complementar ao das consultoras internacionais tradicionais, não somos sequer concorrentes. As intervenções da ARBORIS estão num patamar distinto, pela natureza dos temas tratados, por juntarmos ao mesmo tempo profunda senioridade em estratégia e pessoas e pelo facto do trabalho ser exclusivamente desenvolvido pelos managing partners junto do presidente” conclui José Paulo Rodrigues. 

Managing partners com quase um século de experiência

Os managing partners da ARBORIS contam com mais de oito décadas de experiência ao serviço de grupos empresariais privados, seja enquanto consultores ou como administradores executivos ou não executivos. É uma equipa com um trajeto profissional de sucesso reconhecido, destacando-se o trabalho que desenvolveu junto dos maiores grupos empresarias de raiz familiar em Portugal. 

João Rodrigues Pena tem uma extensa carreira em consultoria de alta direção como senior partner em consultoras internacionais.

Especializado em programas de desenvolvimento estratégico, governance e organização, nomeadamente junto de empresas de cariz familiar, foi International Senior Partner da Roland Berger e Presidente da AT Kearney para Portugal e Espanha.

José Paulo Rodrigues tem um passado ligado à gestão de empresas, trabalhando na consultoria de gestão enquanto CEO ou partner de empresas como a Stepstone Iberia ou a HeadPartners. É especializado em processos de revitalização de empresas e no assessment de organizações a nível coletivo e individual. 

Pedro Garlito começou a sua carreira profissional na Continental AG, na Alemanha, tendo sido o mais jovem membro de sempre a chegar à equipa de senior management deste gigante internacional. Integra Comissões Especializadas da Administração de grupos familiares de relevo e é responsável pela área internacional e a linha de negócio de Business Advisory da HeadPartners. 

Lisboa, 19 de novembro de 2021